Pesquisa: mídia social é prioridade de investimento para PMEs

Publicado por | 18 set, 2014 | Atividades, Tecnologia |

O social é a principal plataforma de mídia das pequenas e médias empresas em termos de investimento e utilização. Segundo relatório da BIA/Kelsey, relativo ao terceiro trimestre de 2014, 74,5% das PMEs – companhias com menos de cem funcionários – preferem esse meio para anunciar e promover a marca. No ano passado, esse índica era de 71,7%.

O estudo também observou que negócios de menor porte destinam 21,4% do budget em mídia social, mais do que em qualquer outra plataforma de mídia. Em 2013, o investimento foi um pouco menor (18,9%).

“O social está em evidência há cinco anos e chegou a um ponto em que é a categoria mais utilizada em termos de alcance, além de comandar o maior share de todas as categorias”, afirma Steve Marshall, diretor de pesquisa da entidade.

A pesquisa, intitulada “Local Commerce Monitor”, está em sua 18ª edição. Nesse ano, foram entrevistadas 546 PMEs no mês de julho. Pouco mais da metade das empresas (52,2%) prestam serviços a consumidores; 30,8% prestam serviços tanto a consumidores quanto a negócios; e 15,6% são negócios B2B.

A utilização de publicidade impressa e outdoor diminuiu em relação ao ano passado: de 63% caiu para 59,3%. Em termos de investimento, esses dois meios corresponderam a um total de 18,5% do budget das empresas participantes, contra 20,9% no mesmo período do ano anterior.

“Juntos, o impresso e o outdoor trocaram de lugar com o social sob os aspectos de alcance e share de investimento”, diz Marshall. “Essa é a mídia dominante para PMEs. É uma plataforma conveniente e amigável em que podem se conectar com o mercado local. Além de ser barata e com poucas barreiras de participação”, completa ele, dizendo que qualquer um pode veicular anúncios e promoções na social media.

O Facebook é o canal mais utilizado pelas empresas (55,1%), seguido pelo LinkedIn (31%).

Porém, embora PMEs estejam aderindo à mídia social para promover seus negócios, ainda não estão confiantes quanto ao ROI desse meio em comparação com outras plataformas estabelecidas.

Apenas 26,2% das empresas avaliaram o ROI como “excelente” ou “extraordinário”. Os três canais mais eficientes para gerar retorno sobre investimento, segundo os participantes, são banner ou display (59,3%), áudio em streaming (57,7%) e ofertas distribuídas em smartphones ou tablets (54%).

Fonte: Proxxima.